Gingando pela Paz no Haiti

Relatos de um capoeirista em terras haitianas

Os dias seguem. Pela noite, as estrelas no céu

Posted by flaviosaudade em 21/01/2010

21 de janeiro, 11:30 am

 

Os tremores hoje são como acontecimentos quase que naturais. Agora há pouco foram dois; o primeiro aparentemente forte. Estava em minha mesa imprimindo alguns documentos, e por um momento pensei que fosse a impressora. Mas, ao olhar para a mesa ao lado e ver um monitor balançando, compreendi que não era a impressora e sai rapidamente. Por fim, não sei se a terra realmente está tremendo ou se o meu corpo é que não parou de tremer desde o primeiro. 

No momento do tremor, a sensação é de que o cérebro automaticamente acessa as informações do primeiro, as lembranças chegam em uma fração de segundo. E com elas, o medo de que este seja tão forte quanto o primeiro, que alcançou 7.2 graus na escala Richter. E a diferença de força entre um e outro é bem grande; o de 7.2 chega a ser 22 vezes mais forte. Aparentemente, teremos de conviver por algum tempo com os tremores. Espero em Deus que não sejam tão fortes quanto o primeiro, pois isso iria ampliar os problemas para um grau que não podemos prever, como ainda não podemos prever a extensão das consequência do primeiro. 

Aos poucos, notamos que algumas pessoas estão deixando a capital, indo para as províncias, para as áreas rurais. O que abre precedente para tornar a ajuda mais rápida. Talvez seja possível, ao invéis de centralizar toda ajuda em Porto-Principe, criar campos de apoio nestas cidades, com toda estrutura possível, e remover as famílas que hoje ocupam as praças. Isso ampliaria também o campo de trabalho para a remoção dos escombros e resgate das vítimas, bem como diminuiria as possibilidades de uma epidemia, um risco grande aqui. 

Quanto a nós, seguimos com o trabalho, dentro das nossas limitações. Com o risco eminente, continuamos dormindo no quintal da casa; brasileiros, haitianos, noruegueses. Onde temos uma visão fantástica do céu, das estrelas. O sentimento em mim é de que não estamos sozinhos, nem desprotegidos. E parece que ouço uma voz dizer que tudo ficará bem.

Anúncios

2 Respostas to “Os dias seguem. Pela noite, as estrelas no céu”

  1. Cláudio Fagundes said

    Lembro de quando você era pequeno e escrevia umas poesias, você tinha uma pasta cheia delas…
    eu gostava de lê-las. Você continua escrevendo bem.

    “Por fim, não sei se a terra realmente está tremendo ou se o meu corpo é que não parou de tremer desde o primeiro.”

    “E parece que ouço uma voz dizer que tudo ficará bem.”

    Pode ter certeza disso, Flávio.

  2. Carlos Emjay said

    O Sr. Flavio Soares

    O meu nome é Carlos Emjay ó Alma Preta. Como via O Senhor?

    Só Americano mas eu falo um pouco de Portuguese.

    Só um Capoerista no Cidade de Salt Lake, Utah.

    Eu tehno uma bom idea para adjudar No Haiti. Com a Capoeira.

    dame-me email por favor. porque eu preciso informação sobre dos groupos no Haiti.

    Obrigado o Senhor Soares,

    Carlos Emjay
    CarlosEmjay@gmail.com

    Mr. Soares,

    My name is Carlos Emjay or Alma Preta

    I am a Capoeirista in Salt Lake City, UT

    I have a good Idea on how to help Haiti. With Capoeira.

    Please email me at the address above. I need information about the groups in Haiti

    Thank you,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: